População Indígena do MS atinge “imunidade coletiva”

Últimas Notícias

Mato Grosso do Sul atingiu a chamada “imunidade coletiva” da população indígena. Até o último dia 31 de julho, de um público vacinável estimado em 46.180 pessoas que residem nas aldeias, 98,16% receberam a primeira dose e 83,16% a segunda, de acordo com dados do painel Vacinômetro-MS.

Os números refletem diretamente nos óbitos é há 15 dias não foram registradas mortes por Covid nas aldeias indígenas.

Em Miranda, por exemplo, que segundo dados do Censo 2010, tem a segunda maior população indígena de MS, com cerca de 6.475 pessoas, 90,71% do público gera vacinável já recebeu a 1ª dose da vacina, enquanto 55,07% concluíram a imunização.  O município aplicou até o momento, 27.479 doses entre D1, D2 e dose unica.

Já em relação ao público geral, MS aplicou até o momento 2.409.561 doses, sendo 1.456.356 com a primeira dose, 722.128 com a segunda dose e 231.077 com dose única, o que corresponde a 33,93% dos sul-mato-grossenses com esquema vacinal completo.

Notícias Relacionadas

Gestoras se reúnem em Bonito para debater autonomia econômica e protagonismo da mulher

Buscando fortalecer os organismos municipais de políticas para mulheres do Mato Grosso do Sul, a Subsecretaria de Estado de...