Corpo de Bombeiros encontra homem que se afogou ao tentar atravessar rio a nado

Últimas Notícias

Militares do Corpo de Bombeiros encontraram na tarde de ontem o corpo de Anderson Frey, desaparecido desde quarta-feira (16) quando tentou atravessar um rio a nado em Bodoquena. O homem tinha 37 anos e trabalhava em uma fazenda da região.

Conforme a polícia, após dois dias desaparecido, Anderson foi encontrado por volta das 18 horas desta sexta-feira, durante as buscas aquáticas. A perícia foi chamada, mas informações preliminares confirmaram a morte por afogamento. Agora o caso é investigado pela Polícia Civil como morte a esclarecer.

Segundo o boletim de ocorrência, a vítima foi contratada para trabalhar em uma fazenda de Bodoquena e começou o serviço na segunda-feira, dia 15. Dois dias depois, ele avisou aos colegas que precisava falar com a família.

Como estavam em um ponto da propriedade em que não havia sinal telefônico, a vítima insistiu para ir até a sede da fazenda ligar para os parentes. Para isso, no entanto, precisava atravessar o rio. Mais de uma vez, os colegas alertaram sobre os riscos, já que a chuva do fim de semana fez o volume das águas subir muito.

Visivelmente inquieto, Anderson insistiu em atravessar o rio a nado e dois dos colegas, com mais experiência, combinaram que fariam isso por ele. Os dois começaram a atravessar as águas, mas pouco depois ouviram um barulho e perceberam que o amigo também havia pulado no rio.

Logo Anderson começou a ser levado pelas águas. Ele chegou a pedir socorro e os colegas tentaram nadar até ele, mas não conseguiram alcançá-lo em virtude à velocidade da correnteza. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar participaram das buscas pela vítima.

Notícias Relacionadas

Ruas de acesso a balneários de Bodoquena serão pavimentadas

A Prefeitura Municipal de Bodoquena fechou contrato de R$ 895.728,64 para realização de obras de pavimentação, drenagem e sinalização...